O que é o Ano Novo Astrológico

Áries marca o início da jornada zodiacal com o equinócio de primavera no hemisfério norte
O que é o Ano Novo Astrológico
por Astrolink em Astrologia

Antes de iniciar seu conhecimento sobre este tema, vamos a uma curiosidade: fazendo uma relação com o nosso ano novo tradicional, que acontece em 01 de Janeiro todos os anos, o primeiro signo deveria ser Capricórnio, já que seu periodo solar acontece geralmente entre 21 de dezembro e 22 de janeiro, certo? Parece ser a lógica.

Porém, o Ano Novo Astrológico não tem a ver com essa convenção social, mas sim com o Equinócio de Primavera no hemisfério norte (de outono em no nosso hemisfério sul), que acontece por volta de 20 ou 21 de março. É quando a "chave solar" finalmente vira, abrindo caminho para o novo ciclo. É isso que reinicia, sob a ótica terrestre, toda a jornada do Sol através da roda zodiacal, quando o astro entra novamente no signo de Áries e dá início a uma nova jornada através dos 12 signos.

Nesse clima de "reboot", de início, reflita sobre o nome de alguns meses conhecidos: Setembro, Outubro, Novembro, Dezembro... achou alguma coincidência? "sete", "oito", "nove", "dez"...

Mas, sabemos que Setembro não é o mês 7 e sim o 9, e que dezembro não é o mês 10 e sim o 12... Então, como assim?

Ocorre que muitas culturas pagãs respeitavam essa tradição de renovação e com o ano novo astrológico, que é o ano novo real de acordo com o ciclo zodiacal. E nesse caso, vamos ter a seguinte escala de meses:

1 - Março | 2 - Abril | 3 - Maio | 4 - Junho | 5 - Julho | 6 - Agosto | 7 - Setembro | 8 - Outubro | 9 - Novembro | 10 - Dezembro | 11 - Janeiro | 12 - Fevereiro.

Repare que os algarísmos, com sua pronúncia em latim, ficam ainda mais próximos dos nomes dos meses em inglês: 7 - septem (september) | 8 - octo (october) | 9 - novem (november) | 10 - decem (december).

Confira as Previsões para o Ano Astrológico de 2019

Sobre Solstícios e Equinócios

Na Astrologia, as datas remetem aos ciclos planetários naturais de uma grande engrenagem cósmica, dando vida a diversos símbolos, histórias, arquétipos e mitologias que permearam toda a nossa história e foram capazes de criar uma ressonância entre a matemática e a geometria do cosmos e a alma e consciência humanas.

Para entendermos melhor o conceito astronômico de Solstícios e Equinócios, vamos ver a diferença entre os dois. Os Equinócios ocorrem quando o Sol está próximo da linha do Equador, iluminando igualmente os dois hemisférios da Terra. Já os Solstícios acontecem quando o Sol, no ponto mais distante da linha do Equador, ilumina mais um hemisfério do que o outro.

Solstícios ocorrem no verão e inverno, enquanto Equinócios acontecem no outono e na primavera. Assim, eles têm relação com os Signos Cardinais, marcando o início de cada estação e trazendo a energia de cada um desses quatro Signos (Áries, Câncer, Libra e Capricórnio).

Lembrando que esse "Eixo Cardinal" é muito relevante na leitura do nosso Mapa Astral. Eles trazem temas como ação, emoção, equiíbrio e ambição como guias das mais diversas áreas e sob as mais diversas formas em nossa psique e nos setores de nossas vidas.

Equinócio de Primavera no hemisfério norte (outono no hemisfério sul)

A palavra "Equinócio" é derivada do Latim "aequus nox", que significa "noite igual". Astrologicamnte, o Equinócio de Primavera marca a chegada do Ano Novo Astrológico com Áries emprestando toda a sua energia para iniciarmos um novo ciclo. A energia de Peixes está indo embora, o que quer que tenha sido experimentado, refletido e integrado dá margem para uma nova ação, carregada de experiência. A motivação toma conta da gente, estamos prontos para sacudir a poeira do ciclo anterior. Energizados, renovados e com mais conhecimento, temos tudo para aproveitar o novo ciclo com mais energia e uma nova proposta.

Solstício de Inverno no hemisfério norte (verão no hemisfério sul)

A palavra "Solstício" é derivada do Latim "sol sistere", que significa "sol parado". O Solstício de Inverno no hemisfério norte marca um período de frio e noites mais longas, pois há menos incidência da luz solar, trazendo um período de mais recolhimento e introspecção. Precisamos sair da nossa concha e procurar calor humano, nos relacionar com outras pessoas para participar e pertencer a algo. Assim como algumas espécies de caranguejo migram nessa época em busca de alimento e abrigo, devemos procurar o nosso grupo para nos apoiar. Ao invés de nos recolhermos e reprimirmos nossas emoções, devemos trazê-las à tona e lidar com elas. Família e amigos, por exemplo, são raízes seguras, nas quais podemos encontrar apoio, carinho e compreensão. O Natal também é um símbolo disso tudo.

Celebrando o Ano Novo Astrológico

A celebração do Equinócio de Primavera é uma tradição ancestral que perdura até hoje em várias partes do mundo e sua simbologia é poderosa. Nos reconectamos com a natureza e celebramos o amor universal, pelos outros e por nós mesmos. Áries marca o início do Ano Zodiacal, estendendo sua influência entre março e abril. É tempo de refletir o que precisamos renovar, aproveitando a proatividade ariana para agir. É super válido aproveitar esse momento para cuidar de nossa mente e corpo ao mesmo tempo em que perseguimos nossos objetivos para o próximo período.

O Ano Novo Astrológico traz uma energia renovadora, que nos impulsiona para iniciarmos um novo ciclo em nossas vidas, aproveitando a energia do elemento fogo. Nesse sentido, é um período favorável para desapegos e novas maneiras de agir, onde devemos mentalizar tudo o que queremos que renasça ou floresça em nossas vidas. Relacionamentos, trabalho, saúde ou qualquer outro desejo. A nossa busca por autoconhecimento passa por nossas relações pessoais, que devem ser harmônicas e solidárias.

Todo ano durante este período, convide quem você curte e faça um encontro focado. É um momento perfeito para todos trocarem ideias e se conhecerem mais. Como foi o ciclo que passou? Que novos objetivos vamos traçar? Também é um bom momento para fazer as pazes ou para terminar de vez vínculos que não agregam em nada.

O Ano Novo de 01 de janeiro possui essa mesma simbologia, mas é apenas uma questão cultural do calendário ocidental. Tenha em mente que todo o sentimento que temos sobre o Ano Novo tradicional serve também para o Ano Novo Astrológico, só que ainda com mais propriedade. A impulsividade ariana, principalmente em mapas mais centrados nos elemento fogo e ar pode dar ainda mais intensidade às coisas.

Plante as suas sementes e cuide bem delas para que germinem, cresçam e deem bons frutos no novo ciclo que se inicia todo ano no mês de março!

Leia mais artigos do Astrolink ver todos

O que a Astrologia pode e não pode fazer?O que a Astrologia pode e não pode fazer?
Pode se dizer que a mecânica da Astrologia pode ajudar as pessoas a ficarem mais no controle de suas vidas. Não tem nada a ver com adivinhação de cartomante, apenas a constatação de que além de possuirmos livre arbítrio, também fazemos parte das mesmas leis universais que regem o todo.
Os Ciclos PlanetáriosOs Ciclos Planetários
Astrologia é o estudo dos movimentos dos planetas ao redor dos signos do zodíaco. Quando olhamos um mapa astral, estamos na verdade olhando para um momento específico no tempo, tentando dessa forma compreender e aprofundar o conhecimento sobre uma pessoa ou evento que teve seu início naquele exato local e momento.
As Eras AstrológicasAs Eras Astrológicas
A Era que estamos inseridos na transição agora é a de Aquário, e nesta Era, o foco está na busca pelo universal, o coletivo e o progresso, temas bastante ligados a energia de Aquário. As atitudes passam a ser mais objetivas, impessoais, tudo que não se aproveita mais ou está ultrapassado é descartado.
Os Regentes do Ano e do CicloOs Regentes do Ano e do Ciclo
Você já deve ter ouvido a seguinte frase: Este é um ano regido por Júpiter ou outro astro. Se não, saiba que é uma prática comum na Astrologia. Mas de onde vem o embasamento para saber qual o astro regente do ano? E o que isso quer dizer? Será que os astrólogos chutam ou inventam estas informações?
Previsões para 2019 na AstrologiaPrevisões para 2019 na Astrologia
Veja as previsões para 2019 segundo a astrologia, um ano regido por Marte, movimentado, enérgico e que promete não deixar ninguém parado. Definitivamente um ano memorável e dinâmico!


Signos no Astrolink

Piscianos    9.10 %
Arianos    8.87 %
Cancerianos    8.81 %
Geminianos    8.72 %
Taurinos    8.72 %
Aquarianos    8.23 %
Leoninos    8.16 %
Virginianos    8.13 %
Escorpianos    7.99 %
Librianos    7.88 %
Capricornianos    7.81 %
Sagitarianos    7.59 %

O céu no momento...

Sol 05 Can 15' 46"
Lua 25 Ari 12' 32"
Mercúrio 00 Lea 07' 45"
Vênus 22 Gem 06' 01"
Marte 26 Can 56' 59"
Júpiter 17 Sag 25' 59" R
Saturno 18 Cap 07' 40" R
Urano 05 Tou 46' 38"
Netuno 18 Pei 42' 56" R
Plutão 22 Cap 18' 32" R
Quiron 05 Ari 52' 46"
Lilith 06 Pei 03' 23"
Nodo Norte 17 Can 42' 14" R

Aspectos ativos

Sol SextilUrano
Lua QuadraturaMarte
Lua QuadraturaPlutão
Júpiter QuadraturaNetuno
Saturno SextilNetuno