astrolink-galaxy

Veja seu Mapa Astral Grátis!

Já tem cadastro? 

Carta O Carro como arcano regente de 2023: o que esperar?

O Tarot mostra os desafios e oportunidades com o arcano O Carro

Modo claro

4 minutos de leitura

“Há coisas conhecidas e coisas desconhecidas…
no meio estão as portas da percepção."
Aldous Huxley

Entendemos a realidade como uma consequência dos sentidos, mas, uma vez que esses sentidos estão imbuídos de multiplicidades culturais, sociais e éticas, não podemos definir o que é, de fato, a realidade.

É como se enxergássemos o mundo usando lentes e a realidade nos é ocultada.

A realidade sempre nos escapa, o mundo não se deixa dominar.

Cada vez que me aprofundo no conhecimento interior, eu me torno consciente da totalidade, isto é, de tudo que está presente na psique: os apegos, pensamentos e crenças. Ao integrar tudo isso, eu me aproximo de outro nível.

A perspectiva, a forma de ver o mundo e de se relacionar com ele não fica mais limitada ao olhar da lente, mas amplia.

Eu me relaciono com o mundo sem me identificar à ideia de identidade, o que gosto, ou não gosto, aos conceitos de certo e errado, aos preconceitos. Entendo que sou muito mais além de tudo isso.

Sou o Todo e parte dele. Eu Sou o Universo.

Assim será a enigmática jornada de 2023. Preparado(a)? Calma que está só começando.

Acompanhe os desafios e as delícias do ano que terá a regência do Arcano "O Carro"!

O que é Arcano Regente e o Tarot?

Arcano Regente

Antes de falarmos sobre o 2023, vamos entender um pouco do Tarot e do Arcano 7?

Para saber a carta Regente do Ano, basta somar todos os algarismos, como mostra a soma abaixo:
2+0+2+3 = 7

Na astrologia temos a Lua como Regente de 2023, no Tarot também temos a Carta, e de certa forma, os temas sempre são complementares.

Como as demais 22 cartas dos Arcanos Maiores, o Arcano 7 "O Carro" corresponde ao Livro da Sabedoria da Casta de Sacerdotes do Antigo Egito, que durante vários séculos floresceu secretamente até chegar ao conhecimento público, por volta de 400 anos atrás.

As cartas do Tarot podem ser compreendidas como o alfabeto da linguagem figurativa da alma, por meio do qual o inconsciente consegue se expressar.

Tudo o que o consciente tem a fazer é aprender a linguagem do inconsciente para compreender o que é dito.

Já deu para perceber que o Tarot é muito mais do que um jogo de cartas, não é mesmo?

Ele ajuda a sintonizar a verdadeira essência da alma, identifica e ajuda a resolver bloqueios, medos e padrões de comportamento que dificultam a realização plena.

O Arcano 7 "O Carro"

Durante anos tive dificuldade em entender a mensagem deste Arcano, o que é muito compreensível: ele é uma manifestação, uma energia escondida por detrás da forma.

É como se o Cavaleiro que usa a armadura estivesse perdido ali dentro, sendo que a sua verdadeira essência é justamente o que está no interior.

Isso me leva a questionar o porquê ele está na armadura e fechado “até os dentes”. Em termos arquetípicos, aquele que almeja o conhecimento, é sempre um buscador, que sai à espreita, se move de lugar em lugar, caminha.

O que ele sai a procurar é um mistério, e assim, é necessário cobertura, proteção. Ele está sozinho, apenas contemplando o ambiente externo e como seus instintos reagem.

É por isso que é necessária a armadura e o carro, que representam amparo psíquico e o movimento que dele emana.

O cavaleiro segue, mas para qual direção?

Tão logo o movimento começa com bravura, mas os desafios surgem e a certeza se oculta. A felicidade vira cobrança, o Cavaleiro sangra com espinhos, os pés titubeiam, cansam os joelhos e logo ele tenta se reerguer.

É a dualidade que se apresenta, lança e escudo se levantam. Uma palavra de guerra ecoa em forma de grito. O Cavaleiro precisa seguir e sem pensar em nada, segue altivo. Assim, num piscar de olhos, a vida transcorre de dentro daquele Carro, passa a morte e passa também a eternidade.

E escorre o tempo de 2023 das mãos do Cavaleiro.

“O Carro” como Carta conselho para 2023

Será um ano de movimento e favorável a novos direcionamentos.

O conselho é ter a cautela, andar seguro, mas, volta e meia, perguntar ao coração: "estou no caminho certo?". O simples movimento pelo movimento pode levar a caminho nenhum, com perda gradual da energia e desconexão da essência.

O grande risco do Cavaleiro é ficar preso na armadura. Assim, 2023 será um ano favorável para deixar velhas formas, aquelas que estão pesadas e que não fazem mais sentido.

É hora de responder: a "armadura" que uso já não está por demais apegada à cara?

Crises de identidade, sensação de estar perdido, ansiedade, queda de energia poderão aparecer. Preciso refletir no que bloqueia e também o que aumenta o fluxo de energia.

A carta mostra uma esfinge guiando o carro do cavaleiro, é o enigma que movimenta o carro para o lugar que ele precisa seguir. Ou seja, as dúvidas fazem parte do processo: o não conduz ao, sim, as incertezas fazem parte do propósito maior de seguir rumo à totalidade.

A Carruagem é o Mestre Interior (espiritualidade) que mostra a direção, mas quem vai adiante é o Cavaleiro. Na impermanência somos barulho, voz e silêncio simultaneamente.

É a que incerteza quem provoca o movimento.

Portanto, a essência do buscador é encontrar respostas para as suas perguntas. Sem ele só há ignorância e incoerência, não há crescimento.

“A vida é como andar de bicicleta.
Para manter o equilíbrio, é preciso se manter em movimento”.
Albert Einstein

Eu te desejo um excelente andar da carruagem em direção a sua estrela maior, você nunca estará sozinho (a)!

Categorias

O céu no momento...

sexta-feira, 21 de junho de 2024 | 11:38