Fórum Astrolink


A profundidade do quíron em sagitário


criar novo tópico responder ao tópico

Gabriel Soares

Signo: Virgem Ascendente: Aqurio Lua: Peixes
VITÓRIA DA CONQUISTA - BA
Membro desde: 11-02-2017
Posts: 458
publicado em: 27-09-2017 19:48    Título: A profundidade do quíron em sagitário
Conhecimento pra vocês

"Este posicionamento indica uma crise relativa à integração do Eu Superior na consciência da pessoa. Andamos em busca da alma, desejamos trazer a essência superior para a própria forma física, de modo a que possamos ligar-nos ao princípio organizador central desta reencarnação e, se possível, de todas as anteriores encarnações. Por muito que se tente, não se consegue, até que o próprio Eu Superior se integre plenamente na nossa biologia. Quando atingido esse estágio, torna-se quase desnecessário tentar entrar em contacto com o Eu Superior, pois dá-se a osmose necessária para sentirmos com quem estamos a lidar. Conheço centenas de pessoas que necessitam estar em estado alfa (a chamada meditação) para tentarem entrar em contacto com o seu Eu Superior. E muitos não conseguem, tudo por bloqueios mentais.

Júpiter é o lar dos mestres, os seres que nos amam e querem o nosso progresso na Terra. É o lar dos nossos anjos e guias espirituais. Por isso, Júpiter ser considerado em astrologia, o Grande Benéfico. As pessoas nascidas com Quíron em Sagitário estão intimamente sintonizadas com esses Seres. Se conseguem comunicar ou não, com Eles, é outra história.

É frequente que as pessoas com este posicionamento iniciem muito cedo (por volta dos 13 anos) a busca e rebusca de muitos aspectos religiosos, aprofundando-os, comparando religiões, entrando nos diversos sistemas espirituais existentes. Daí ser frequente que estas pessoas dêem grandes saltos quânticos quanto à aprendizagem daquilo que é a espiritualidade. Com facilidade, começam os estudos de Livros Sagrados e avançam para uma série de ensinamentos e doutrinas, desde o espiritismo ao yoga, dos terreiros de Orixás ao Budismo. São muitos os exemplos. Pelo meio tenta-se aprender tarot e astrologia. Hoje em dia, esses temas são ensinados com abertura, pois a maioria deixou de ser um tema esotérico (secreto) e subiu à Luz do dia. Aquilo que se mantém aparentemente secreto, é porque os respectivos 'gurus' passam essa ideia para manterem um negócio bem rentável, ou então para poderem exercer processos de controle.

Quando as pessoas com Quíron em Sagitário ou na nona Casa ultrapassam a fase de curiosidade e iniciam a busca do seu Eu Superior, percebem que não era necessário tanto estudo, tanta investigação, porque se descobre, com simplicidade, que tudo é Uno. O resto é limpeza cármica. E é assim que chegamos a uma altura da vida e percebemos que somos os que fazem a ponte, os formadores da ponte, nos nossos próprios corpos entre a essência (Úrano) e a Terra (Saturno) e, por isso, somos condutores de energia.

O que ainda falta surgir serão os verdadeiros profetas da Era de Aquário. Da Nova Era, muitos, mas da Era de Aquário, nenhum. Creio que a maioria surgirá na fornada nascida entre 1999 e 2001. Por enquanto, ainda se confunde 'Nova Era' com 'Era de Aquário' parecendo significar o mesmo, quando não é bem assim.

Quíron em Sagitário permitiu que muitos de nós criássemos pontes, focalizando na seta sagitariana que aponta para o coração galáctico do nosso universo de Nebadon, inserido no grande superuniverso, o 7º de sua ordem de criação. A nona Casa é o lugar onde nos unimos ao nosso Eu Superior. Façam as vossas investigações por aí e cheguem às vossas próprias conclusões.

Quíron retrógrado no mapa natal significa que a pessoa é um(a) 'curandeiro(a)', aquele(a) que usa a energia para curar. Modernamente, pode chamar-se de 'terapeuta'. São os reikianos com mais energia para dar e curar. A todo o vapor.

Muitos astrólogos acreditam que Quíron rege Sagitário, mas essa confusão surgiu em parte porque Quíron rege o «método da busca», enquanto que Sagitário é a «busca». Já o disse anteriormente: Quíron é o planeta do «como fazer». São conceitos diferentes, por isso eu identificar Quíron com Virgem, que trata de «métodos» e em sistemas esotéricos, tem o significado de representar o Cristo planetário. Os guias, os mestres, os seres galácticos alinhados com o Cristo planetário usam a energia de Júpiter e o foco de Sagitário por ser a maneira mais fácil de assumirmos a nossa alma. Por favor, não confundam «alma» com «Eu Superior». Mas assim como Quíron rege o terapeuta, o tarólogo, o astrólogo, também rege o processo iniciático, que começa sempre por um longo, estreito e muito sinuoso caminho, cheio de pedregulhos para a mente humana. Sagitário é o foco e a direcção e Virgem é a 'batalha' entre Saturno (forma) e Úrano (energia), que cria a solução pragmática para se chegar à expansão jupiteriana. Quando Quíron ou Júpiter se encontram na Casa 9, encontramos o símbolo que todos aqueles corpos partem em busca da união entre o corpo e a alma, do eu humano e do eu animal.

Pessoas com Quíron em Sagitário, com Saturno e Úrano bem aspectados, reúnem condições de poderem ser um farol de esperança para o futuro. O Eu Superior não pode ser incorporado sem a integração da kundalini e as pessoas com este posicionamento passarão por este processo de forma invulgarmente intensa. O sistema neurológico quirótico é o caminho de sistemas do interior do nosso corpo, que mantém a energia no campo biológico (Saturno) e integra a energia que causa a passagem da kundalini (Úrano)

Personalidades com Quíron em Sagitário: Pedro Almodovar, Princesa Ana de Inglaterra, Fred Astaire, Humphrey Bogart, Martin Borman, James Cagney, Al Capone, Natalie Cole, David Cochraine, Noel Coward, Xavier Cugat, George Cukor, Gerar Depardieu, Alexandre Dumas, Isabel de Inglaterra, Duke Ellington, Michael Ford, Benjamim Franklin, Peter Gabriel, Richard Gere, Helen Hays, James Hilton, Alfred Hitchcock, Vitor Hugo, Don Johnson, Jessica Lange, Linda Lovelace, Mark Spitz, Vladimir Nabokov, Christina Onassis, Paloma Picasso, Ramos Horta (Indonésia), Cybill Shepard, Sissy Spacek, Meryl Streep, Twiigy, Sigourney Weaver, Stevie Wonder. Personalidades com Quíron na 9ª Casa: Andre Agassi, Louisa May Alcott, Julie Andrews, Anabela Quental, Guillaume Appollinaire, Patricia Arquete, Ary dos Santos, Sri Aurobindo, Warren Beatty, Joe Biden, Karen Blixen, Beau Bridges, Carla Bruni, Jess Campbell, Frank Capra, Pablo Casal, David Beckham, Danny De Vito, T.S. Eliot.

Últimas permanências de Quíron em Sagitário: de 28 Novembro 1948 a 8 Fevereiro 1951 - de 19 Junho 1951 a 8 Novembro 1951 - de 7 Janeiro 1999 a 1 Junho 1999 - de 22 Novembro 1999 a 11 Dezembro 2001.

Dependendo muito dos aspectos e posicionamento de Saturno no mapa natal, as pessoas com Quíron em Sagitário podem exercer o seu máximo de potencial nestes dois conceitos: liberdade e tolerância. Estes dois conceitos, por si só, são indicadores dos valores máximos a que o ser humano pode aspirar: Ser livre e conceder liberdade! Ser tolerante é aceitar as diferenças.

Para se exercer estes valores, e assim atingirmos outros horizontes, quer terrestres, quer espirituais, onde entram todos os grandes saberes da humanidade, é necessário encontrar em si mesmo uma capacidade de grande humildade: saber ouvir e aprender. Para isso, deve ser portador de optimismo, entusiasmo e capacidade de acção. A resposta reside na parte em que falta algo que as pessoas com Quíron em Sagitário possuem.

Encontrar a harmonia necessária entre aquilo com que podemos contribuir e aquilo que precisamos ouvir e aprender, é o destino das pessoas com este posicionamento. É a forma de poder ser tolerante. Caso contrário, cai-se nos excessos dogmáticos da intolerância ou esticar demasiado a corda da tolerância ao ponto de tudo entrar no mesmo saco.

Sagitário tem a ver com a nossa capacidade de obter "the big picture" [a grande fotografia] e, também, com a nossa capacidade de julgar. Tentam ser salomónicos. O lado negativo deste sinal é que nos pode mostrar onde nós não ouvimos ninguém, pois já "sabemos" tudo. É uma situação muito corrente.

Por exemplo, se Quíron está em Sagitário na casa 2 (dinheiro) podemos ter dificuldade em ouvir o conselho financeiro dos outros. Talvez estejamos muito ocupados a dar a nossa própria opinião. Ouça sempre com muita atenção os conselhos dados por alguém com Quíron em Sagitário, especialmente se pretendem ser especialistas no assunto a ser debatido. É caso para desconfiar um pouco. Um Quíron em Sagitário pode ser excessivamente assertivo, tentando impor a sua opinião sobre as dos outros. Aqueles que com este posicionamento e com Saturno favorável no mapa natal, são mais propensos a dar bons conselhos, sem desmandos.

É um posicionamento perfeito para um agente de viagens que envia todos os outros em viagens fantásticas, enquanto eles ficam presos no escritório a fazer as reservas; ou de um editor que recebe para publicação os livros dos outros, quando no fundo desejaria escrever e publicar os seus próprios textos. Eu tenho Quíron em Sagitário, na sétima Casa, a casa dos contactos com os et´s.

Pais com este posicionamento de Quíron frequentemente tendem a empurrar as suas crianças para o exercício da educação superior, a maioria das vezes porque eles próprios não a tiveram, por circunstância da própria vida. Neste esforço para que os filhos tirem cursos superiores, poucas vezes conseguem 'ouvir' a opinião dos próprios filhos. O caso oposto também se dá: pais que impedem o progresso escolar dos filhos.

Sagitário também rege as questões da religião e das Leis Superiores. Às vezes, isso leva a pensar que a busca fanática de alguma doutrina religiosa irá curar todas as feridas do nosso interior.

A ferida de Quíron é projectada na área da religiosidade, espiritualidade e da aderência às visões e crenças colectivas. Pode haver uma sensação de separação e rejeição do mundo religioso e ideológico convencional, mas também uma adesão fanática e obstinada a crenças dogmáticas como forma de ultrapassar o sentido de inadequação. Com esta posição é preciso fazer-se uma reavaliação dos sentimentos pessoais face à cultura e aos conceitos que a sociedade veicula, e por vezes, saber ultrapassar conceitos, ideologias, leis ou normas em vigor que promovam a discriminação e a rejeição dos valores pessoais, como se a pessoa transportasse consigo um estigma social.

Algumas vezes pode-se aderir a ideias que reneguem ou não enquadrem o próprio sofrimento, mas isso apenas é uma disfarçar um problema que exige uma solução criativa para se tratar as próprias feridas. Algumas vezes o estrangeiro e os ambientes distantes e diferentes do habitual, bem como estrangeiros e forasteiros, poderão constituir uma fonte de problemas e de vulnerabilidades. O convívio com a família do cônjuge também poderá não ser dos melhores, estando sujeito a muitas vicissitudes e sentimentos de rejeição ou de indiferença. A pessoa pode sentir-se mal acolhida ou aceite em quaisquer locais ou ambientes que não os seus habituais.

Com Quíron na casa nove são, por vezes, as feridas profundas psicológicas ou físicas que se tornam o veículo para uma grande mudança nas concepções filosóficas e religiosas pessoais. É, assumindo os condicionamentos impostos pela própria incapacidade física, ferida emocional ou sofrimento anímico que se descobre uma nova realidade, abrindo-se caminho para se tornar um divulgador de novos paradigmas e novas ideias que ajudem os outros a ultrapassarem os seus próprios problemas."

Vivyan Nunes

Signo: Touro Ascendente: Sagitrio Lua: Peixes
RECIFE - PE
Membro desde: 25-10-2017
Posts: 285
publicado em: 14-05-2018 00:49      


responder ao tópico criar novo tópico