Fórum Astrolink


Sol na casa 12 e suas loucuras


Vanessa Afonso

Signo: Libra Ascendente: Escorpio Lua: Virgem
Alta Floresta - MT
Membro desde:
28-05-2017
17-10-2019 09:27
muito bom ver mais gente com sol na casa 12....
gente minha vida foi um caos muito grande durante muito tempo, sentia que meu EU se derramava pelo mundo, depois eu tinha que sair procurando minhas partes, e quando voltava, estava contaminada de impressões alheias e me embrulhava o estomago. Nao sabia o que era LIMITES, aquilo que delimita meu EU e outro Eu. Enfim, fui estudar psicologia, amo e aprendo alguns mecanismos. A facilidade para lidaar com o inconsciente me levou a interessar-me por psicanalise, ou seja, uma forma de sublimar e usar isso que me compoe ao meu favor. Amo arte, é uma forma de me derramar no universo de forma mais integrada, sinto as dores e as raivas do mundo. Achava que tinha algum problema na minha cabeça, algum transtorno, alguma obsessão...agora entendo melhor esse sol na casa 12

Fernanda Nishimura

Signo: Aqurio Ascendente: Aqurio Lua: Sagitrio
São Paulo - SP
Membro desde:
09-05-2016
27-10-2019 16:02
Não tive relação com drogas inclusive não fazem efeito em mim kkkk e não tenho vontade delas. Bebo socialmente pq meu corpo não absorve álcool de maneira simples. Tive problema com pai sim, quem tem essa casa sofre para aceitar a pouca autoridade que o pai tem em sua vida (depende de outros fatores no mapa também). Sempre gostei de artes, teatro, música, dança e além de tudo minha mãe é pisciana e artista, um complemento de outro.

Eu vivi o retorno de Saturno na 12 tbm (aliás ainda estou #tenso )
Trabalho com astrologia e hoje me sinto realizada sendo quem eu sou. Não procuro escapismo em nada, mas me vejo muito precisando de momentos de reclusão porque além de tudo sou Aquariana. Sempre vivi de forma intensa minha espiritualidade mas só agora comecei a usar a meu favor ajudando o próximo tbm. Eu não trocaria meus planetas na 12 por nada hahaha.

A necessidade de entender internamente antes de fazer entender pelo mundo sempre me moveu. Já aprendi a não absorver muito mais do que preciso, então diria que se você quer viver uma casa 12 mais tranquila, procure explorar sua intuição e espiritualidade. Isso fará você aumentar o alcance das suas habilidades sutis de forma absurda e irá muitas vezes te mostrar onde você pode ser a sua melhor versão 😘

Lari Torquato

Signo: Leo Ascendente: Leo Lua: Leo
PORTO BELO - SC
Membro desde:
11-11-2019
11-11-2019 12:07
Sol e Lua na casa 12, sendo estes em leão. Tenho um mapa muito intenso e específico, tive depressão, as drogas pouco me atraem e não me causam efeito como nos demais, sou excessivamente intuitiva e obcecada por espiritualidade, também possuo uma fé que julgo ser natural. Vivo em conflito, vivo sofrendo, vivo sentido as dores de tudo, minhas, dos outros, do mundo, tanto que estou aos prantos lendo essa interpretação do meu mapa (já havia lido algumas, mas nada tão completo e profundo). Olha, eu estou com a alma explodindo e é de grande valia saber, nesse momento, que não estou, nem nunca estive só no mundo, apesar de ser egocêntrica, obviamente, com meu sol, lua, ascendente, mercurio e marte em leão.

Thaiz LI

Signo: Leo Ascendente: Cncer Lua: Capricrnio
São Paulo - SP
Membro desde:
24-04-2017
11-11-2019 15:03
Vou acompanhar o post
Aqui no Astrolink DISK tenho sol na casa 1, porém, em outros sites, e até mesmo com astrólogos, DISK tenho sol na casa 12 e eu me identifico.

Não sei quem sou ~quelas~

Thaiz LI

Signo: Leo Ascendente: Cncer Lua: Capricrnio
São Paulo - SP
Membro desde:
24-04-2017
11-11-2019 15:06
Quote:
Tenho Sol no primeiro grau da Casa 1, e o Astrolink aconselha a considerar também o Sol na casa 12, posição com a qual eu me identifiquei totalmente. Mas, além disso, tenho também Saturno na 12. Sol e ascendente em Leão, Lua em Capricórnio. Muito do Elemento Terra, muito Fixo.... É como se eu carregasse um turbilhão dentro do peito e vivesse presa em minha mente, vivendo em círculos...


Incrível como me identifico

Thaiz LI

Signo: Leo Ascendente: Cncer Lua: Capricrnio
São Paulo - SP
Membro desde:
24-04-2017
11-11-2019 15:08
Quote:
Sol na casa 12 e...
Me considero uma pessoa bem confusa, mas quando eu finalmente decido alguma coisa é com uma convicção de dar inveja e vou até o inferno pra realizar aquilo a não ser que forças maiores me impeçam (e se isso acontecer é a treva, eu simplesmente não sei lidar com impossibilidades)
Gosto de drogas e não gosto de usar o nome "drogas" pq acho que são coisas incompreendidas pela sociedade e vistas com preconceito o que prejudica e até complica o uso. Reconheço que preciso selecionar melhor os momentos, mas hj em dia pelo menos não uso durante o trabalho hahaha
Sou muito intuitiva e às vezes prevejo coisas que vão acontecer daqui a meses, eu simplesmente sei quando alguém vai morrer, isso é sinistro. Ao mesmo tempo que na minha cabeça eu entro em negociações com o Universo pra poupar algumas pessoas de alguns lances pesados e acabo levando sobre mim os danos, por exemplo: Já saí com o nariz sangrando de uma trilha que eu tive que negociais mentalmente com a natureza para ela não ferir uma mina que tava no grupo e que fez diversas ofensas ao lugar que estávamos... Esse tipo de coisa é super normal pra mim, contato com animais a ponto de quase entender os "pensamentos" deles tbm. Eu tbm leio todas as entrelinhas do que as pessoas dizem e percebo falhas e maldades nos discursos que ninguém vê. Eu gosto de profundidade, quando me interesso por algo vou a fundo até não ter mais pra onde cavar.


Tenho pensamentos e relações fortíssimas com mortes repentinas antes da pessoa morrer, mesmo que essa seja afastada de mim.
Muito intrigante isso.
Já até entrei em pensamento mágico me culpando e achando que eu era responsável por isso.

Thaiz LI

Signo: Leo Ascendente: Cncer Lua: Capricrnio
São Paulo - SP
Membro desde:
24-04-2017
11-11-2019 15:10
Quote:
Oi pessoal, gostaria de contribuir com esse post, relatando a minha própria experiência deste posicionamento.

Eu descobri a pouco tempo a grandiosa influência desse Sol na Casa 12, sempre ouvi muitas "críticas" sobre o meu Sol e ascendente em Leão, mas nunca me senti tão leonina assim. Isso me leva a crer que sim, a Casa 12 nos influencia muito.

Sobre querer sempre ajudar os outros e acabar batendo com a cara na parede: uma forma de mudar isso na minha vida, foi focando essa energia de querer ajudar os outros de outra forma. Passei a me voluntariar em ONGs e usar essa minha energia para esse fundamento, ao invés de querer ajudar pessoas que muitas vezes, não querem ser ajudadas. Além do mais, eu era estudante de arquitetura (sempre amei desenhar e até que levo jeito), mas a vida tem me mostrado que meu caminho ou propósito de vida realmente é ajudar os outros, então este ano estou revirando este campo da minha vida, vou fazer Psicologia e acredito que esta será mais uma forma de direcionar essa necessidade de querer ajudar os outros, fora outros aspectos em meu mapa que mostram isso. Espero estar caminhando pro lado certo, já que meu retorno de Saturno está próximo. rs

Escapes: Eu sou muuuuuuito sonhadora, dá até raiva ás vezes, já perdi as contas de quantas vezes sonhei acordada que tinha ganhado na mega sena ou que conquistei aquele amor intangível, rs (foda). E sim, as drogas... quando não estou bem acabo saindo muuuuito e exagerando no álcool correndo o risco inclusive de querer experimentar outras coisas, o que não é legal. Mas ultimamente tenho mantido o equilíbrio e acredito que isso tem relação com o direcionamento que estou dando ás minhas necessidades energéticas também.

Acho que é isso, cada dia que leio sobre a casa 12 e meu Sol em leão neste posicionamento mais gosto disso tudo. A energia de Peixes (regente da casa) faz com que eu vá para um lado mais calmo no meu mapa, mais livre e descontraído (já que minha lua em caprica me deixa meio presa e encanada). É o que me traz esse meu lado empático e humano e po, como amo isso em mim. Importante estarmos vivendo o presente e direcionarmos nossas necessidades energéticas da forma certa. Nada de querer ajudar e se dedicar 100% a aquele crush nada a ver, muitas vezes somos usados e precisamos estar ligados para não nos decepcionarmos depois.

Gratidão pelas trocas pessoal!


Me vi nesse comentário.
Faço psicologia também

Rhaysa Dias EMOCIONAL

Signo: Peixes Ascendente: Libra Lua: Cncer
Goiânia - GO
Membro desde:
10-05-2017
11-11-2019 23:04
Tenho sol peixes casa 12, sou sonhadora demais, emocional demais, é muita fuga da realidade, intensidade dos sentimentos, nos ambientes sociais sou muitíssimo extremamente tímida, normal eu ser invisível nos locais sociais, não saiu muito, me isolo muito do mundo

Clara Farah

Signo: Escorpio Ascendente: Escorpio Lua: Touro
Recife - PE
Membro desde:
06-12-2015
12-11-2019 13:53
Tenho sol na casa 12 e sempre me senti muito "misturada". Desde criança sempre tive muitas fantasias, mas tinha uma grande aptidão para as artes e criação. Sempre fui muito secretiva e usava diários durante a infância, a adolescência e uso até hoje na minha fase adulta (só que com textos mais bem elaborados e artísticos, mesmo que seja só para mim). Sensibilidade pulsante. Sinto vibrações e intenções das pessoas com facilidade, sempre senti, mas não sabia diferenciar o que era real e o que era da minha cabeça, mas com muito estudo, desenvolvimento da espiritualidade e autoconhecimento, pude aprender a identificar o que era minha intuição agindo e o que era paranoia. Há pouco tempo descobri a existência de algo chamado "inconsciente coletivo", da teoria Junguiana (me corrijam se eu estiver falando besteira) e que pessoas na casa 12 tinham maior facilidade em acessá-lo. Isso pra mim sempre foi presente, mas não sabia que era esse nome que dava. Agora é batata. Meu senso de experimentação também é apurado e isso inclui um pouco de tudo: comunidades, hobbies, artes, leituras e até mesmo as drogas, que já experimentei algumas mas por experiência, não tenho o hábito de consumir nenhuma pra me preservar mesmo. Gosto de sentir de tudo, sou muito curiosa. Traz uma bagagem de experiência ampla e me guia mais ou menos para qual caminho devo andar a partir daquilo que experimentei. A compreensão de mundo é grande, as dores, os pensamentos do mundo inteiro também. Tenho tentado desenvolver telepatia, é uma outra experimentação. O sol na casa 12 transcende, é elevado. O que precisamos aprender é como organizar essa energia e extrair o melhor dela. Sol na casa 12 é um xamã. Precisamos lutar com as armas que nós temos e com ela precisamos ter cuidado para não nos perder.

Letícia Bernal

Signo: Sagitrio Ascendente: Sagitrio Lua: Libra
Marília - SP
Membro desde:
23-03-2017
13-11-2019 14:40
É mais fácil eu dizer o que não tenho na casa 12... Nessa casa tenho 6 influencias: Sol, plutão, marte, mercúrio, vênus e nodo norte (todos em sagitário).
Parece que eu vivo numa montanha russa descontrolada.
Até certa idade eu era uma sagitariana "crua": bocuda, rebelde, desprendida das regras sociais, sincera ao extremo, inconsequente. Conforme fui envelhecendo notei algumas mudanças, que achei "resposta" em meu mapa.
Os relacionamentos em geral são bem complicados para mim, de qualquer natureza que for, porque não sei me expressar/comunicar direito (mercúrio). Tem pessoas que amo com todo meu coração, mas fico reclusa, não sei como demonstrar. As pessoas falam que sou forte, mas sou muito reservada, dentro de mim tenho tantas questões internas que ngm imagina pq não sei falar sobre ou acho desnecessário expor minha vida. Tenho Júpiter na casa 11, uma vez vi uma análise que falava que pessoas com esse posicionamento sempre estão a procura do seu grupo de amigos, é assim que me sinto, provavelmente por não saber construir relações e demonstrar. Apesar de ter um grupo de amigos, sempre me sinto distante e deslocada.
No amor sou mais confusa ainda, gosto de buscar novidades e aventuras, toda hora estou indecisa sobre amar ou não amar tal pessoa, e desisto muito fácil dos meus relacionamentos.
Sobre o escapismo com drogas: durante uma época usava com uma certa frequência, mas percebi que quando usava não ficava bem, tinha paranóias.
Tenho oscilações de humor tão repentinas que me assustam, tenho muita raiva e angústia de situações acumuladas e posso ser explosiva ou dar um coice sem ter a intenção pq simplesmente não sei como agir.
Às vezes parece que eu carrego todas as dores do mundo em minhas costas, sou a pessoa mais sensível (que ninguém imagina), mas custa eu falar algo ou chorar na frente de alguém, então sofro tudo sozinha, me isolo e caio nas minhas crises. Quando falo as dores do mundo é até de coisas fora do meu controle, como injustiça, situação política... Parece que eu sugo a energia de tudo e todos que estão ao meu redor.
Estou tentado mudar algumas coisas, mas parece que alguma coisa dentro de mim me puxa para baixo, para permanecer nessas situações de introspecção, confusão e instabilidade.
Pode ser uma análise equivocada da minha casa 12 (se for me corrijam), mas acredito que ela tem muito mais influência na minha vida do que eu gostaria.

Gigi

Signo: Cncer Ascendente: Cncer Lua: Cncer
São Paulo - SP
Membro desde:
27-12-2019
06-01-2020 05:47
Sol e lua na 12, em câncer. Assim como ascendente.
Aprendi muito cedo a comprendrer a energia que a casa 12 me traz. Comecei a beber muito cedo também. Encontrei no álcool ( no início como uma brincadeira ) um lugar para relaxar, me sentir mais extrovertida, livre de tantas amarras. Eu podia me divertir, era engraçada e fazia amigos com grande facilidade.
Nessa época, eu morava em São Paulo, capital. Uma cidade muito dura para tava sensibilidade, precisava de um escape. Acredito que circunstâncias familiares e socias, também influenciam nas nossas escolhas.
O álcool começou a se tornar um problema, pois, era autodestrutivo. Foi quando comecei a usar maconha que consegui sair da dependência do alcool. Eu sempre associei essas duas drogas a casa 12.
A maconha me “salvou”. Comecei a beber com 9 anos, parei com 23.
Hoje, bebo socialmente, mas nunca mais fiquei bebeda.
Conheci a astrologia nessa época, que me ajudou muito a me compreender. Minha mãe fazia a universidade de astrologia ( anos 90 ) tinha muitos livros, que me ajudaram a compreender melhor o meu excesso de sensibilidade. Eu sentia tudo e não sabia diferenciar o que era meu e o que era do outro.
Apresar desse lado hipersensível e misterioso, sempre fui uma criança solar, comunicativa e criativa.
Foi quando deixei meu ambiente familiar, a selva de pedra ( SP ) aos 23 anos e fui morar fora, que consegui viver minha liberdade, explorar o lado bom desse aspecto. Encontrei a arte, a vida perto do mar, a liberdade de expressão. Vivi o lado positivo dessa casa.
Depois disso, já vivi em varios lugares diferentes, desde ilhas ( onde explorei meu lado espiritual muito forte ) até em capitais do mundo, onde adoeci, por ser extremamente sensível.
Hoje, me encontro numa bolha nesse planeta e preciso dessa paz, dessa segurança, Sobretudo para natureza, do silêncio, para poder me conectar com o grande poder de cura que a casa 12 nos traz.
Sempre explorei experiências espirituais, desde xamanismo, meditação, yoga. Às vezes, em grupos de 50 pessoas, eu chorava muito, mas sabia que não estava chorando por algo pessoal, eu chorava por todos que não conseguiam chorar. Eu tinha essa consciência, muito nova.
Hoje, depois de ser mãe, o que posso dizer que foi um processo delicado, ser hipersensível e saber que às vezes preciso chorar para desaguar, me libertar, dessa dor do mundo que não é só minha. Explico para meus filhos que não choro de sofrimento, que o meu choro me liberta. Que chorar me faz bem.
Bom, poderia fazer um livro sobre o que percebo dessa casa, espero ter ajudado com a minha experiência e percepção. Detalhe, a arte foi minha grande aliada. Me tornei artista, mesmo sem buscar isso e É nesse mundo de liberdade, que consigo me encontrar e sentir muita paz e tranquilidade.

Gisele

Signo: Virgem Ascendente: Cncer Lua: Touro
Mossoró - RN
Membro desde:
14-06-2017
06-01-2020 08:46
O mapa da minha Revolução Solar de 2020 tem sol na casa 12. Interessante que esse posicionamento estava na minha Revolução Solar de 2016, no ano do sol também. Foi o ano do meu retorno de saturno (tenho saturno em sagitário), e na época eu não estudava sobre astrologia e espiritualidade. E foi difícil, mas transformador. Espero continuar trabalhando a minha espiritualidade em 2020 e tentar tornar tudo mais leve.

Caroline

Signo: Sagitrio Ascendente: Capricrnio Lua: Libra
São Paulo - SP
Membro desde:
12-01-2017
06-01-2020 12:03
Quote:
Quote:
Gostaria de saber de pessoas com Sol na casa 12 e/ou pessoas que tiveram contato com estas, o que acham que isto influencia em personalidade e escolhas?




Minha revolução solar pra este ano deixou meu sol em escorpião na casa 12.
E estou sentindo nos últimos 2 meses uma necessidade de reclusão muito forte. Eu que já era reservada, sinto que minha vida ficou ainda mais privada. Então estou me recolhendo com mais frequência, tomando meu momento comigo e desfrutando disso.
Sempre tive aversão a espiritualidade e estou sentindo um grande chamado acerca disso.
Assim como sentindo a necessidade de resolver tudo que eu tenho de assuntos inacabados do passado e do presente. Lidando fortemente com karma familiar. Mexendo com tudo que preciso cicatrizar e sacrificar. Mesmo que eu realmente não queira mexer com isso, eu sinto que preciso então vou e faço.
Outra coisa, sempre foi muito individualista principalmente com meu lado artístico mas agora existe a necessidade de expressar isso em caridade com e para o coletivo, mas veja só, em atividades que apesar de realizadas, eu permaneço nos bastidores. Um altruismo e abnegação que ás vezes me pergunto onde é que meu verdadeiro eu foi parar.


Em que site você fez sua revolução solar??

Caroline

Signo: Sagitrio Ascendente: Capricrnio Lua: Libra
São Paulo - SP
Membro desde:
12-01-2017
06-01-2020 12:07
Eu tenho o sol na casa 12, e tenho alguma dificuldade em expor o que eu penso, devido a casa 12 ser a casa de peixes e no meu mapa ela esta em sagitario.

Ágape

Signo: Peixes Ascendente: Peixes Lua: Touro
São Paulo - SP
Membro desde:
10-05-2018
06-01-2020 12:12
Quote:
Tenho Sol, Vênus e Netuno na 12° casa, AMO ouvir música (se não tiver tocando música parece que o mundo não funciona) e gosto de ficar sozinho no meu quarto o dia todo (ao ponto de ser prejudicial socialmente e de me isolar da minha própria família). Sinto que desde pequeno eu não queria nascer, que não pertenço a esse mundo porque ele é muito restritivo, tenho a sensação de que vivo numa prisão (o corpo físico) e que a alma quer sair, viver como ela sempre viveu em outro lugar feliz, onde podia se teletransportar, se comunicar por telepatia, voar, etc. coisas que nessa realidade não "existe".

Não uso drogas, não bebo, não fumo (cresci assistindo a Xuxa e ela sempre dizia que essas coisas não eram legais kkkkk), no caso da droga eu penso que se um dia eu usasse seria para uma overdose e morrer (mas com o pouco conhecimento que tenho, não seria uma boa opção trocar a Terra pelo vale dos suicidas), mas não usaria drogas para escapar da realidade e depois voltar pro mundo real, a minha válvula de escape da realidade, já que não uso drogas, são os jogos onde eu posso viver do modo que eu gostaria que a realidade fosse (The Sims 4- motherlode).

Não sei se isso é característica do Sol ou de Netuno, mas às vezes me sinto muito pisciano, crio uma história na minha cabeça de que vou encontrar o grande amor da minha vida (alma gêmeas de várias encarnações) em algum lugar a gente vai se esbarrar (isso pq nem saio de casa direito), vai ser amor a primeira vista, a gente vai namorar, etc.... kkkkkkk ai saio de casa nessa expectativa!!! e nada disso acontece e vem a frustração, me apaixono fácil, mas me desapaixono na mesma velocidade.

Não gosto de ir em lugares com muita gente principalmente shopping, quando vou em shopping sinto uma pressão como se o teto tivesse me empurrando pro piso e fico com uma sensação de "achatado" saio do shopping passa.

As pessoas costumam dizer que sou sensível ̶d̶e̶m̶a̶i̶s̶,̶ ̶e̶u̶ ̶s̶o̶u̶ ̶u̶m̶ ̶a̶l̶g̶u̶é̶m̶ ̶q̶u̶e̶ ̶c̶h̶o̶r̶a̶ ̶, mas não sinto essa sensibilidade toda, talvez eu bloqueei ou como nunca experienciei ser outra pessoa, é natural e eu não perceba essa sensibilidade.

Às vezes as pessoas falam coisas que eu capto como se elas quisessem dizer outra (vulgo mentiras), mas quando pergunto se o que ela realmente queria dizer era aquilo que eu captei, elas falam que não, ai não sei se o que capto é uma fantasia minha ou se a pessoa realmente estava mentindo e não quis admitir.

Me senti falando comigo mesmo kkkkkk esquisito kkkk

Fernanda

Signo: Capricrnio Ascendente: Capricrnio Lua: Gmeos
São Paulo - SP
Membro desde:
16-12-2019
08-01-2020 16:40
Me identifiquei tanto com esse tópico, nem acredito que existem tantas pessoas que sentem o mesmo que eu, parece até mágico.
Tenho Sol em Capricórnio na casa 12, além de ter essa casa cheia (Mercúrio, Júpiter e Netuno).
Sou uma pessoa bastante melancólica, sinto que não vivo no mundo que eu gostaria de viver, me sinto impotente quando vejo outras pessoas em situações precárias, tenho vontade de mudar o mundo, mas ao mesmo tempo sinto que não tenho forças para isso.
Gostaria de trabalhar ajudando os outros, porém também sou MUITO ligada as artes (desde criança).
Quem me vê logo de cara acha que sou bastante comunicativa, sociável, divertida (pois estou sempre fazendo piadinhas para fazer os outros rirem), mas na verdade eu tenho essa atitude, pois, quero tornar a vida dos outros mais leves (mesmo que por um momento), pois a minha vida não é leve, ela é difícil e eu não desejo isso para ninguém.
Apesar de sociável, gosto muito de me isolar, ficar pensativa, passo magrugadas rm claro pensando e fantasiando com o dia em que o mundo será como eu sonhei.
Não uso drogas (nunca nem experimentei álcool) pois sinto (essa é uma sensação que sempre tive, desde antes de conhecer meu mapa astral) que no momento em que eu utilizar algum tipo de droga/alucinógeno não vou parar mais, pois tenho essa necessidade de escapar da realidade (que sei que não é saudável). Ao invés de usar drogas para escapar deste mundo ruim, eu durmo. Tudo é motivo para que eu vá dormir, pois em meus sonhos o mundo é mais cheio de beleza.
Amei conhecer um pouco mais das pessoas com esse posicionamento, boa sorte para todos nós!

Aryadne

Signo: Touro Ascendente: Gmeos Lua: Touro
Brasília - DF
Membro desde:
20-12-2019
11-01-2020 21:04
Quote:
Me identifiquei tanto com esse tópico, nem acredito que existem tantas pessoas que sentem o mesmo que eu, parece até mágico.
Tenho Sol em Capricórnio na casa 12, além de ter essa casa cheia (Mercúrio, Júpiter e Netuno).
Sou uma pessoa bastante melancólica, sinto que não vivo no mundo que eu gostaria de viver, me sinto impotente quando vejo outras pessoas em situações precárias, tenho vontade de mudar o mundo, mas ao mesmo tempo sinto que não tenho forças para isso.
Gostaria de trabalhar ajudando os outros, porém também sou MUITO ligada as artes (desde criança).
Quem me vê logo de cara acha que sou bastante comunicativa, sociável, divertida (pois estou sempre fazendo piadinhas para fazer os outros rirem), mas na verdade eu tenho essa atitude, pois, quero tornar a vida dos outros mais leves (mesmo que por um momento), pois a minha vida não é leve, ela é difícil e eu não desejo isso para ninguém.
Apesar de sociável, gosto muito de me isolar, ficar pensativa, passo magrugadas rm claro pensando e fantasiando com o dia em que o mundo será como eu sonhei.
Não uso drogas (nunca nem experimentei álcool) pois sinto (essa é uma sensação que sempre tive, desde antes de conhecer meu mapa astral) que no momento em que eu utilizar algum tipo de droga/alucinógeno não vou parar mais, pois tenho essa necessidade de escapar da realidade (que sei que não é saudável). Ao invés de usar drogas para escapar deste mundo ruim, eu durmo. Tudo é motivo para que eu vá dormir, pois em meus sonhos o mundo é mais cheio de beleza.
Amei conhecer um pouco mais das pessoas com esse posicionamento, boa sorte para todos nós!


Nossa, me identifiquei demais com vc, Fernanda. Tenho Sol na 12 em Touro, dormir pra mim é a forma que encontrei de escapar da minha realidade. Amo fantasiar, imaginar, tenho uma mente bem fértil. Prefiro mil vezes a vida como ela é na minha imaginação. Tanto que agora estou vendo vídeos sobre lei da atração, cocriação... Estou buscando algo que possa mudar a minha vida. Gosto de socializar também mas, prefiro ficar só, comigo mesma. Adoro tudo que envolva autoconhecimento, astrologia, oráculos, posso passar dias sozinha, vendo vídeos sobre esses assuntos, ouvindo musica e perdida no meu mundinho.
Já com relação a usar drogas, bebo bem raramente e as outras drogas, nunca usei e nunca tive vontade de usar.
No mais, adorei saber que tem mais gente como eu. As vezes me sinto um peixe fora d'água.

Fernanda

Signo: Capricrnio Ascendente: Capricrnio Lua: Gmeos
São Paulo - SP
Membro desde:
16-12-2019
11-01-2020 21:47
Quote:
Quote:
Me identifiquei tanto com esse tópico, nem acredito que existem tantas pessoas que sentem o mesmo que eu, parece até mágico.
Tenho Sol em Capricórnio na casa 12, além de ter essa casa cheia (Mercúrio, Júpiter e Netuno).
Sou uma pessoa bastante melancólica, sinto que não vivo no mundo que eu gostaria de viver, me sinto impotente quando vejo outras pessoas em situações precárias, tenho vontade de mudar o mundo, mas ao mesmo tempo sinto que não tenho forças para isso.
Gostaria de trabalhar ajudando os outros, porém também sou MUITO ligada as artes (desde criança).
Quem me vê logo de cara acha que sou bastante comunicativa, sociável, divertida (pois estou sempre fazendo piadinhas para fazer os outros rirem), mas na verdade eu tenho essa atitude, pois, quero tornar a vida dos outros mais leves (mesmo que por um momento), pois a minha vida não é leve, ela é difícil e eu não desejo isso para ninguém.
Apesar de sociável, gosto muito de me isolar, ficar pensativa, passo magrugadas rm claro pensando e fantasiando com o dia em que o mundo será como eu sonhei.
Não uso drogas (nunca nem experimentei álcool) pois sinto (essa é uma sensação que sempre tive, desde antes de conhecer meu mapa astral) que no momento em que eu utilizar algum tipo de droga/alucinógeno não vou parar mais, pois tenho essa necessidade de escapar da realidade (que sei que não é saudável). Ao invés de usar drogas para escapar deste mundo ruim, eu durmo. Tudo é motivo para que eu vá dormir, pois em meus sonhos o mundo é mais cheio de beleza.
Amei conhecer um pouco mais das pessoas com esse posicionamento, boa sorte para todos nós!


Nossa, me identifiquei demais com vc, Fernanda. Tenho Sol na 12 em Touro, dormir pra mim é a forma que encontrei de escapar da minha realidade. Amo fantasiar, imaginar, tenho uma mente bem fértil. Prefiro mil vezes a vida como ela é na minha imaginação. Tanto que agora estou vendo vídeos sobre lei da atração, cocriação... Estou buscando algo que possa mudar a minha vida. Gosto de socializar também mas, prefiro ficar só, comigo mesma. Adoro tudo que envolva autoconhecimento, astrologia, oráculos, posso passar dias sozinha, vendo vídeos sobre esses assuntos, ouvindo musica e perdida no meu mundinho.
Já com relação a usar drogas, bebo bem raramente e as outras drogas, nunca usei e nunca tive vontade de usar.
No mais, adorei saber que tem mais gente como eu. As vezes me sinto um peixe fora d'água.

É tão incrível encontrar pessoas com esses mesmos sentimentos. Dá até esperança de que um dia o mundo poderá ser bom

Alexandra

Signo: Sagitrio Ascendente: Leo Lua: Leo
Vila Velha - ES
Membro desde:
22-04-2017
11-01-2020 21:57
Conheci um cara com ascendente, Sol Vênus e mercurio em Aquário na casa 12. Muito complicado segredista, corre de resolver qualquer tipo de problema vários relacionamentos eu sinto que sempre está escondendo algo

Zhuge Liang

Signo: Capricrnio Ascendente: Capricrnio Lua: Leo
São Paulo - SP
Membro desde:
19-09-2019
14-02-2020 22:50
Quote:
Quote:
Tenho Sol, Vênus e Netuno na 12° casa, AMO ouvir música (se não tiver tocando música parece que o mundo não funciona) e gosto de ficar sozinho no meu quarto o dia todo (ao ponto de ser prejudicial socialmente e de me isolar da minha própria família). Sinto que desde pequeno eu não queria nascer, que não pertenço a esse mundo porque ele é muito restritivo, tenho a sensação de que vivo numa prisão (o corpo físico) e que a alma quer sair, viver como ela sempre viveu em outro lugar feliz, onde podia se teletransportar, se comunicar por telepatia, voar, etc. coisas que nessa realidade não "existe".

Não uso drogas, não bebo, não fumo (cresci assistindo a Xuxa e ela sempre dizia que essas coisas não eram legais kkkkk), no caso da droga eu penso que se um dia eu usasse seria para uma overdose e morrer (mas com o pouco conhecimento que tenho, não seria uma boa opção trocar a Terra pelo vale dos suicidas), mas não usaria drogas para escapar da realidade e depois voltar pro mundo real, a minha válvula de escape da realidade, já que não uso drogas, são os jogos onde eu posso viver do modo que eu gostaria que a realidade fosse (The Sims 4- motherlode).

Não sei se isso é característica do Sol ou de Netuno, mas às vezes me sinto muito pisciano, crio uma história na minha cabeça de que vou encontrar o grande amor da minha vida (alma gêmeas de várias encarnações) em algum lugar a gente vai se esbarrar (isso pq nem saio de casa direito), vai ser amor a primeira vista, a gente vai namorar, etc.... kkkkkkk ai saio de casa nessa expectativa!!! e nada disso acontece e vem a frustração, me apaixono fácil, mas me desapaixono na mesma velocidade.

Não gosto de ir em lugares com muita gente principalmente shopping, quando vou em shopping sinto uma pressão como se o teto tivesse me empurrando pro piso e fico com uma sensação de "achatado" saio do shopping passa.

As pessoas costumam dizer que sou sensível ̶d̶e̶m̶a̶i̶s̶,̶ ̶e̶u̶ ̶s̶o̶u̶ ̶u̶m̶ ̶a̶l̶g̶u̶é̶m̶ ̶q̶u̶e̶ ̶c̶h̶o̶r̶a̶ ̶, mas não sinto essa sensibilidade toda, talvez eu bloqueei ou como nunca experienciei ser outra pessoa, é natural e eu não perceba essa sensibilidade.

Às vezes as pessoas falam coisas que eu capto como se elas quisessem dizer outra (vulgo mentiras), mas quando pergunto se o que ela realmente queria dizer era aquilo que eu captei, elas falam que não, ai não sei se o que capto é uma fantasia minha ou se a pessoa realmente estava mentindo e não quis admitir.

Me senti falando comigo mesmo kkkkkk esquisito kkkk


assim não me sinto ̶e̶s̶t̶r̶a̶n̶h̶o̶ só kkkkkkkkk